ambiente de trabalho saudável

4 dicas para construir um ambiente de trabalho saudável na empresa

Os talentos das novas gerações têm características que fazem com que sejam profissionais mais difíceis de engajar, atrair e reter. Eles querem um ambiente de trabalho saudável, com remuneração justa, estímulo à meritocracia e qualidade de vida. Para que uma organização alcance um clima favorável, ela deve implementar uma série de ações planejadas.

As bases de atuação devem ser em torno da comunicação corporativa e dos processos referentes aos recursos humanos, para colocar em prática a gestão estratégica de pessoas. Um negócio que tem um ambiente de trabalho saudável reduz custos operacionais, otimiza o desempenho, atrai novos talentos e combate a taxa de turnover (rotatividade).

Neste artigo, você vai conhecer 5 dicas infalíveis para construir um ambiente de trabalho saudável. Aproveite a leitura!

1. Garantir o cumprimento das normas de segurança do trabalho

Essas normas são definas pela Secretaria de Segurança e Medicina no Trabalho. Há diversas regulamentações dispostas na CLT (Consolidação de Leis Trabalhistas) e que devem ser implementadas em qualquer negócio para garantir a seguridade dos seus funcionários. É importante que a sua empresa conte com uma área especializada na segurança de trabalho, com técnicos, assistentes sociais e médicos disponíveis para dar suporte aos seus colaboradores.

Incentivo à CIPA

A Comissão Interna de Prevenção de Acidentes, ou somente CIPA, está prevista na Norma Regulamentadora 5. Ela é formada por colaboradores que devem ser eleitos por meio de uma votação realizada na empresa. Esses profissionais têm estabilidade de dois anos no cargo e são os responsáveis por implementar ações preditivas e corretivas para cuidar da saúde ocupacional.

É interessante que a sua empresa estimule os colaboradores a participarem da CIPA. Essa atividade que não têm uma remuneração extra, mas é de suma relevância para garantir a qualidade de vida no ambiente corporativo e nas suas tarefas diárias. Faça campanhas para compartilhar informações sobre a CIPA, comunique aos seus colaboradores sobre as ações que os membros da CIPA estão implementando e os seus resultados práticos.

2. Investir em desenvolvimento e capacitação de colaboradores

É verdade que os profissionais devem ter uma bagagem técnica e acadêmica para assumir determinados cargos. No entanto, sabemos que as organizações exigem cada vez mais conhecimento para que eles sejam usados para otimizar os processos e construir uma empresa de alta performance.

As organizações têm a obrigação de investir no desenvolvimento e na capacitação dos seus colaboradores. Isso deve ser feito considerando dois fatores: o desenvolvimento do próprio negócio e a retenção de talentos, afinal, essa ação é um exemplo de valorização do seu headcount (quadro de pessoal). A seguir, veja algumas ações que você pode adotar.

Treinamentos EAD

O cenário de pandemia está acelerando a transformação digital nos negócios, e isso não pode ser diferente no RH. Os treinamentos a distância são uma grande oportunidade para alinhar processos e reduzir custos. É um modelo fundamental para grandes corporações, com grande expansão geográfica, e também para franquias.

Lembre-se de colocar alguns treinamentos como obrigatórios na jornada do seu colaborador, principalmente aqueles que reforçam a cultura da empresa. Fortaleça a capacitação dos seus líderes, pois eles são os principais representantes da sua marca. A forma que eles lidam com seus liderados pode ser motivo de pedidos de desligamentos. Afinal, 8 em cada 10 profissionais pedem demissão por causa do chefe.

Certificados de conclusão

Pensando do ponto de vista de valorização do colaborador, é essencial que os treinamentos ofertados no ambiente corporativo ofereçam certificados de conclusão para os participantes. Eles são gatilhos que estimulam que mais colaboradores participem das capacitações. Afinal, cada um terá como comprovar que tem determinado conhecimento.

3. Promover uma cultura de transparência e de diálogo

Outro ponto que deve ser destacado é a promoção de uma cultura de transparência e o estímulo ao diálogo. Os talentos não querem trabalhar em organizações em que o medo e a insegurança imperam. Eles almejam espaços que cultivem a inclusão e a diversidade, com gestores capacitados para lidarem com as diferenças.

Política de ética e compliance

O seu negócio tem uma política de ética e compliance? Esse documento faz parte de uma cultura da transparência tanto no tratamento com seus colaboradores quanto no relacionamento da marca com clientes e fornecedores. Aqui, a empresa tem a oportunidade de apresentar e firmar as suas diretrizes de ética e as ações adotadas para isso.

Canais de denúncia

Dentre as ações implementadas pela área de compliance, a disponibilização de um canal de denúncia é uma decisão inteligente e que contribui para o fortalecimento do senso de confiança dos colaboradores com a sua marca empregadora. Se a sua empresa ainda não tem, comece a consolidar esse processo.

Uma dica interessante é que a sua empresa conte com um outsourcing de compliance para garantir que as investigações sejam realizadas com total imparcialidade. As denúncias feitas podem servir como um termômetro para que a organização identifique a qualidade de vida no trabalho vivenciada por seus colaboradores.

4. Reconhecer os seus colaboradores por meio da meritocracia

Quem não gosta de ter o seu empenho e dedicação reconhecidos? A meritocracia é um dos combustíveis principais para o aumento da produtividade e a melhora da qualidade do clima organizacional. Dessa forma, é fundamental que a sua organização tenha ações estratégicas voltadas para estimular ações que reforcem o senso de mérito como base da sua cultura.

Gamificação

Conhecida também como gamification, a gamificação é uma ação estratégia para a gestão de pessoas, que não é uma novidade, mas que tem ganhado mais destaque graças à sua otimização para os meios digitais. Os gestores de equipes de vendas já têm mais familiaridade com essa estratégia, e, agora, todas as áreas podem usar ferramentas para colocar em prática a gamificação.

Hoje, existem softwares de people management (gestão de pessoas) que permitem implementar a gamificação das rotinas diárias e das metas do contrato de gestão. Com certeza, qualquer equipe vai conseguir alcançar a alta performance de uma maneira divertida e favorecendo um ambiente de trabalho saudável.

Campanhas de incentivo

As campanhas de incentivo são uma grande oportunidade para dar um “gás” em uma equipe desmotivada, mas também importante para melhorar a qualidade do clima. Elas trabalham a meritocracia já que os colaboradores têm o seu reconhecimento por meio de uma premiação pela sua performance individual e/ou em grupo. Essas campanhas e a gamificação são estratégias que “andam de mãos dadas”.

Lembre-se de garantir que a sua organização tenha uma remuneração atrativa, com benefícios aderentes ao perfil dos seus colaboradores e dos talentos do mercado. O cuidado com a saúde mental e física deve ser reforçado na sua grade de benefícios. Isso pode ser confirmado por meio de pesquisas de clima, de eNPS (Employee Net Promoter Score, ou Índice Líquido do Promotor) e com o People Analytics (Análises de Pessoas).

Use este artigo como um guia para garantir a construção de um ambiente de trabalho saudável na sua empresa. Coloque as nossas dicas em prática e não deixe de mensurar os resultados por meio dos indicadores da sua área de recursos humanos. Faça com que o seu RH se torne cada vez mais estratégico para o desenvolvimento sustentável da organização.

Se você gostou deste post e quer saber mais, aproveite e leia o nosso artigo sobre a saúde mental do colaborador. O tema é ainda mais relevante no cenário de pandemia, quando esse ponto é um dos principais desafios para as empresas. Aproveite a leitura!

Powered by Rock Convert
O nosso plano é estar sempre ao seu lado por isso estamos por aqui também! Central 24 horas - (17) 3202-1223 SAC 24 horas - 0800 772 94 67

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *